sexta-feira, 26 de setembro de 2008

POWER ROPE! Alternando as Correntes com as Cordas

Apesar do treino com correntes que ministramos na Academia Imoto ser mais intenso e ideal para desenvolver rapidez e resistência combativa, vale complementar este treinamento marcial do Speedchain com as cordas (Power Rope) conforme exemplificado nos videos abaixo:

http://www.youtube.com/watch?v=ML3WKsC0Eh4
Neste video a ideia é melhorar a pegada e adicionar força de rotação na cintura nos golpes de agarramento.

http://www.youtube.com/watch?v=o6ehEN98Lb4&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=WERA8xgvRSg&feature=related
Creio que são os clipes com os exercícios mais parecidos com os do nosso Speedchain...
Repare naquele detalhe da corda apoiada no poste e na contagem final para impôr fadiga e aumentar resistência anaeróbica cardiopulmonar.

http://www.youtube.com/watch?v=NemXS_Y_eZY&feature=related
As limitações que eventualmente as correntes possuem, como quando se enroscam entre si, não ocorrem com as cordas conforme demonstrado acima e são boa opção para aumentar a gama de movimentos com estes equipamentos. E as sugestões de rounds (séries) e tempo nestes exercícios (vide Protocolo Tabata) valem também para o Speedchain!

http://www.youtube.com/watch?v=4HZ-O43RnhQ&feature=related
Esta é uma tendência de treinamento ao ar livre para os amantes da natureza e tem alguns modelos interessantes de exercícios a dois ;-)

http://www.youtube.com/watch?v=yC55PvpKi-Y&feature=related
E aqui uma alternativa muito boa para academias sem tatame para abafar o barulho das correntes.

Enfim, há muito mais para se assistir e pesquisar nos canais de video e websites da internet sobre o emprego de cordas para um condicionamento físico superior e funcional.
O pessoal profissional do MMA e equipes de Wrestling já estão adotando este treinamento também e em breve isso será onda nas academias comerciais, pois não faz barulho, não danifica o piso e não tem risco de lesão grave mesmo se atingir alguém descuidado ao lado, além de ser possível praticar em duplas, um em cada ponta (o que não é nada recomendável quando se usa correntes pesadas!)

Mas o importante é treinar, suar a camisa e sempre refletir sobre o que está fazendo com seu corpo...

P.S.: outra vantagem do Speedchain com correntes sobre o treino com cordas é o emprego do "Torso Burner" que adiciona ainda mais peso, intensidade e vigor ao exercício. Se alguém encontrar um equipamento parecido com cordas ou qualquer outro material e acessório, por favor, enviem para mim a referência!
Até o momento não encontrei nada melhor para substituir o Speedchain, mas tenho uma mente aberta para inovações.

Nenhum comentário: