terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

POR QUE AS ARTES MARCIAIS CLÁSSICAS ESTAGNARAM?



Obs.: qualquer semelhança com dogmas de seitas não é mera coincidência.


Metodologia Científica do MÉTODO IMOTO



O foco do treinamento do corpo deveria ser, em primeira instância, garantir a capacidade de autoproteção e sobrevivência do praticante diante de uma agressão violenta, no menor tempo possível e com o mínimo de desgaste e despesas para se adquirir esta habilidade. Caberia ao instrutor desenvolver e pesquisar melhores didáticas, treinar e testar o que está ensinando com seriedade e honestidade imparcial e manter um espírito investigativo ao longo de toda a sua carreira, sem depender de autoridades ultrapassadas. Só assim o conteúdo transmitido teria validade diante de uma situação drástica.

O grande teste de uma metodologia de proteção pessoal é:

"As únicas manobras funcionais são aquelas que você pode usar instintivamente contra um oponente que não colabora e irá revidar."

Uma luta urbana real ou um assalto não tem nada em comum com honra, dignidade e ritualismos.
É algo súbito, uma explosão convulsiva de violência e caos.
Qualquer treinamento que se baseie em coreografias bem como exercícios que preparam apenas para eventos performáticos são contraprodutivos em termos de pura sobrevivência em combate.

Você sobrevive a uma luta interceptando seu(s) atacantes(s) no mesmo instante, agora e imediatamente. Você tem de ir de 0 a 100 em menos de 1 segundo.

Não permita uma chance de reação ou contra-ataque. Assuma a iniciativa!
Você deve agir assim se quiser sobreviver. Jogar uma partida amigável, tentar levar a luta para o chão em busca de uma submissão técnica ou ameaçar fintas e jabs fracos reduz drasticamente as suas chances de sucesso.
Quando fizer seu movimento seja como uma granada explodindo!
Para fazer isso de forma efetiva você deve condicionar suas armas naturais, fortalecer sua máquina de combate. Não deve haver dúvidas sobre sua efetividade no ataque, nem falta de confiança em seu treinamento.

Por isso é de primordial importância desenvolver o máximo de poder de impacto em seus ataques. E isso exige um processo baseado no método científico descrito acima.

Lembre-se: "Não importa se a pedra atingiu o espelho ou se o espelho bateu na pedra...
...o espelho sempre perde!"

Nenhum comentário: