sábado, 19 de março de 2011

NÃO TENHA MESTRES...


..nem Gurus e autoridades afins.
A relação sadomasoquista entre "Mestre-Discípulo" trazida para o mundo moderno é nociva e subestima a inteligência humana.
Aquele antigo relacionamento Senhor-Escravo típica dos povos orientais só serviu para preservar tradições sem sentido. E hoje comercialmente continua sendo usado para doutrinar e enganar consumidores.
Quem busca um pastor é porque se julga uma ovelha obediente. E todo rebanho está caminhando para a tosa e o abate...

Seja um tigre, independente e digno!
Aprenda com os mais experientes sem colocá-los no altar. Roube o conhecimento de que precisa, mas não seja um imitador barato: se roubar um Picasso não diga que foi você quem pintou.
Todo aprendiz precisa ser orgulhoso, competitivo e ousado para desenvolver seu bom senso e criatividade individual.
Não se intimide com o saber e a performance do outro que se apresenta como "Mestre", "Sensei", "Guru", "Sifu", "Líder", "Bispo", etc.
Aprenda com a sua própria investigação. Seja autodidata. Investigue. Não confie em sabedorias de segunda mão.
Aplique o ceticismo com a mente aberta para novas possibilidades.
O importante é aprender a aprender. Justamente a habilidade que poucos sabem e quase ninguém ensina.
O conselho é simples: olhe antes de pular.

Nenhum comentário: